quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Morre a Profª Suria Abucarma, uma das fundadoras da APEOESP, CUT e PT na região de Prudente !

 
A Professora Suria Abucarma nasceu em Penápolis (Alto Alegre) em 1944 e viveu boa parte de sua vida em Presidente Prudente, onde foi sepultada dia 09/Outº no Cemitério Municipal de São João Batista.

 
Para a cerimônia do funeral às  ultimas horas da tarde de 9/Outº vieram diversas delegações. Todas elas representando as principais comunidades, com professores, estudantes, lideranças religiosas e dirigentes políticos.

A maior Delegação que veio trazer total e irrestrita solidariedade e o último Adeus à Profª Suria Abucarma foi a de Penápolis, tendo a frente o Prefeito João Luiz dos Santos, a 1ª dama do município, o Pe.Joaquim, da Paróquia de Santa Clara, Vereador, Secretários e Servidores municipais.
  •     Filha de pai sírio e mãe portuguesa, nasceu em Alto Alegre - antigo Distrito de Penápolis - município autônomo da região noroeste do Estado, a Professora Suria Abucarma. Seu pai (Ali Abucarma)é nome de rua em Presidente Prudente, no Parque São Judas Tadeu; e ela, trazida pela família passou a fazer parte da comunidade local desde os últimos anos da década 70. Foi estudante da USP em 1960, cursando Geografia, onde se graduou. Regina Penatti, sua companheira nos conta que Suria iniciou o Mestrado, sendo autora de Livros Didáticos de Geografia. Participou do movimento de resistência à Ditadura Militar e chegou a Presidente Prudente como Professora da EE "Maria Luiza Bastos" no final dos anos 70. Articulada às lutas do seu tempo, envolveu-se com as primeiras greves dos professores estaduais, tornando-se membro do grupo histórico que organizou a APEOESP local e também para a organização da CUT e do Partido dos Trabalhadores (PT).    

Professora respeitada em toda a região, Suria Abucarma viveu a melhor parte de sua vida na liderança dos movimentos em defesa do professorado, dos menos favorecidos pela sorte e por uma democracia em todos os sentidos. Por isso, acabou se envolvendo em inúmeras manifestações públicas, inclusive candidatando-se por uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado. Não conseguiu o apoio indispensável, mas indiretamente marcou sua atuação como Assessora Parlamentar. Ao lado da atual Ministra da Educação Marta Suplicy, fez parte do Governo Municipal na Sub-Prefeitura de  Pinheiros/São Paulo, direção estadual da APEOESP e do PT. De volta à cidade de Penápolis ajudou a administrar, atuando na Secretária de Governo, Gestão Participativa e de Planejamento do Municipio até poucos dias antes de sua morte.

Internada por vários dias em Presidente Prudente, a Professora passou por várias intervenções. Mas não resistiu e acabou falecendo na madrugada de 9 de Outubro. A notícia de sua morte foi recebida com profunda tristeza. Não só em Presidente Prudente, mas em todas as cidades por onde ela passou. O prefeito de Penápolis, João Luiz dos Santos decretou luto oficial por três dias e se deslocou até esta cidade, juntamente com a esposa, Sra.Renata Cristina, o Secretariado Municipal e vários servidores, incluindo também o Vereador eleito, Alexandre Gil de Mello e o Padre Joaquim Lima Brito da Paróquia Santa Clara de Assis, para as últimas homenagens à extinta. No Cemitério São João Batista, o corpo da Profª Suria Abucarma foi sepultado no Jazigo da Família Abucarma, às 16h30, na Quadra 32/46. 

A Professora Suria foi uma Educadora no sentido mais nobre da palavra. Amou o Brasil e os brasileiros de todos os lugares. Lutou por uma sociedade mais justa e igualitária! Apaixonada pela familia, pelos amigos e pela política ajudou a construir uma geração de Geógrafos, Sindicalistas e Políticos apaixonados e ferrenhos defensores do conhecimento como ferramenta de transformação social: inteligente, vibrante, ética com os adversários e profundamente radical na defesa de um mundo melhor... A certeza de ter compartilhado com sua existência nos tornou seres humanos mais dignos !  

NOTÍCIA EM TEMPO REAL - Para se atualizar, acesse o Twitter: www.twitter.com/altinocorreia


Nenhum comentário:

Postar um comentário